Avaliação Neuropsicológica


A Neuropsicologia Clínica dedica-se ao estudo da interacção entre as Funções Nervosas Superiores (a Memória, a Atenção/Concentração, a Linguagem, o Pensamento Lógico e Abstracto, a capacidade de Planeamento e de Organização), ou seja, procura esclarecer a relação existente entre determinada área do Cérebro lesionada ou com defeito funcional e o aparecimento de uma alteração patológica específica do foro cognitivo, emocional e comportamental da pessoa

A Avaliação Neuropsicológica tem como objectivo caracterizar o grau e tipo de disfunção / lesão provocada por determinado acontecimento ou patologia. Também é avaliado o grau de capacidade funcional que a pessoa apresenta para o desempenho das suas actividades diárias, para lidar com as dificuldades que sinta no desempenho da sua actividade profissional e, também, para identificar que tipo de recursos dispõe para fazer face às alterações neuropsicológicas identificadas.


Em que casos?

  • Processos / pedidos legais de reforma
  • Situações médico-legais
  • Demências (Alzheimer; Parkinson; Vascular; etc)
  • Défices cognitivos ligeiros
  • AVC’s
  • Traumatismos crânio-encefálicos
  • Epilepsia
  • Esclerose Múltipla
  • Paragens cardiorrespiratórias
  • Depressão
  • Doença Bipolar
  •  Esquizofrenia
  • Outras doenças neurológicas

Como se processa?

  • Entrevista clínica
  • Aplicação de provas e escalas necessárias à avaliação (entre 1 a 3 sessões de 60 min.)
  • Elaboração de relatório
  • Esclarecimentos e recomendações ao paciente e familiares (se assim for necessário)